R$0,00
0 item(s)

Você não tem itens no seu carrinho de compras.

Produto adicionado no carrinho x

JEAN LEON 3055 MERLOT (cod. JLE1015717)

Seja o primeiro a avaliar este produto

Vinho orgânico certificado. Primeiro vinho de Penedès feito de Petit Verdot. Desde de as safras 2013, os vinhos Jean Leon têm certificado de cultivo orgânico da uvas do NOP-USA.
  • Vinho orgânico certificado. Primeiro vinho de Penedès feito de Petit Verdot. Desde de as safras 2013, os vinhos Jean Leon têm certificado de cultivo orgânico da uvas do NOP-USA.
  • Cor vermelho cereja com tons azulados típicos de um vinho jovem, denso com um manto profundo. O nariz é particularmente apimentado com fundo de frutas vermelhas maduras, notas de tostado e especiarias. O paladar tem uma entrada exuberante com corpo forte e estrutura média, enquanto o palato médio "véu da boca" é notavelmente liso com taninos doces. Um final longo e persistente graças à sua estrutura de acidez, com notas recorrentes da fruta.
  • Espanha
  • Penedès
  • Jean Leon é uma das melhores vinícola perto de Barcelona. Foi fundada em 1969 por Jean Leon – um espanhol que fundou um dos restaurantes mais famoso de Hollywood, o legendário La Scala. Jean Leon começou mais tarde a produzir o seu próprio vinho para o restaurante numa vinha em Espanha. Esta adega continua a produzir algum do melhor vinho de Penedès, não muito longe de Barcelona. O nome verdadeiro de Jean Leon era Carrión Ceferino Madrazo. Ceferino nasceu em Santander, no norte de Espanha em 1928, mas quando a casa da família foi destruída num incendio em 1941 o jovem Ceferino mudou-se com a sua família para Barcelona. O irmão mais velho de Ceferino e o pai morreram durante a Segunda Guerra Mundial e Ceferino mudou-se para Paris. De Paris ele foi para os E.U.A. e juntou-se ao exercito, obtendo assim a cidadania dos E.U.A. e mudou o seu nome para Jean Leon. Em 1950 Jean Leon chegou a Hollywood. Em Hollywood, Jean Leon teve um emprego no restaurante de Frank Sinatra e Joe DiMaggio e em 1956 abriu o seu próprio restaurante: La Scala, juntamente com James Dean. O restaurante ficou famoso em Hollywood e então Jean Leon conheceu várias estrelas de cinema. Ele chegou mesmo a servir o ultimo jantar a Marilyn Monroe na casa dela, na noite da sua morte Em 1964 ele comprou 150 hectares em Penedès (Torrelavit), a oeste de Barcelona. O seu amigo Jaume Rovira trabalhou lá como produtor de vinhos e a sua primeira garrafa foi vendida em 1973. Contudo, , a maior parte dos vinhos continuaram a ser vendidos aos clientes de La Scala. Jean Leon surpreendeu os produtores na região quando destruiu as antigas vinhas e plantando novas vinhas provenientes de França. Jean Leon foi a primeira pessoa a plantar Cabernet Sauvignon e Chardonnay em Espanha. Jean Leon revolucionou então o vinho espanhol. A maneira como trabalhou, foi a maneira tradicional do chateaux francês: todas as uvas eram produzidas pela adega (um conceito a que chamam "vino de pago" em Espanha) e os vinhos eram fermentados em barris de carvalho francês, mesmo os vinhos brancos.
  • Não
  • Merlot, Petit Verdot
  • Parcialmente envelhecido por 2 messes em barricas de carvalho
  • 14%
  • Contém sulfito
  • Cor vermelho cereja com tons azulados típicos de um vinho jovem, denso com um manto profundo. O nariz é particularmente apimentado com fundo de frutas vermelhas maduras, notas de tostado e especiarias. O paladar tem uma entrada exuberante com corpo forte e estrutura média, enquanto o palato médio "véu da boca" é notavelmente liso com taninos doces. Um final longo e persistente graças à sua estrutura de acidez, com notas recorrentes da fruta. Acompanha igualmente bem pratos de peixe e carne. Excelente com bacalhau e pisto (clássico receita espanhola - mix de tomates e vegetais).
  • Carne branca, Carne vermelha, Peixe
  • 750ml
  • Não
  • Não
  • Não
  • Não
  • Não
  • Não
  • Não
  • Não
  • Não
  • 2017
  • Jean Leon
  • Tinto
  • Quando Jean Leon chegou em Nova York, trabalhou como taxista, 3055 era o seu número de licença. Essa referência, revela o homem por trás da lenda. O humilde começo de um idealista que realizou seus sonhos, para abrir o restaurante mais luxuoso de Hollywood, "La Sala", e produzir seu próprio vinho.
  • 16º a 18°C
  • Não

Disponibilidade: Em estoque

R$175,00
Calcular frete e prazo:
Abrir/Fechar

JEAN LEON 3055 MERLOT

JEAN LEON 3055 MERLOT
R$175,00

Descrição

Descrição

Cor vermelho cereja com tons azulados típicos de um vinho jovem, denso com um manto profundo. O nariz é particularmente apimentado com fundo de frutas vermelhas maduras, notas de tostado e especiarias. O paladar tem uma entrada exuberante com corpo forte e estrutura média, enquanto o palato médio "véu da boca" é notavelmente liso com taninos doces. Um final longo e persistente graças à sua estrutura de acidez, com notas recorrentes da fruta.

  • Espanha

  • Tinto

Ficha técnica

País Espanha Uvas Merlot, Petit Verdot
Harmonização Carne branca, Carne vermelha, Peixe Formato da Garrafa 750ml
Outras pontuações Safra 2017
Vinícola Jean Leon Tipo de vinho Tinto
Temperatura de Serviço 16º a 18°C

Harmoniza com...


  • Carne branca

  • Carne vermelha

  • Peixe

Nota de degustação

"Cor vermelho cereja com tons azulados típicos de um vinho jovem, denso com um manto profundo. O nariz é particularmente apimentado com fundo de frutas vermelhas maduras, notas de tostado e especiarias. O paladar tem uma entrada exuberante com corpo forte e estrutura média, enquanto o palato médio "véu da boca" é notavelmente liso com taninos doces. Um final longo e persistente graças à sua estrutura de acidez, com notas recorrentes da fruta. Acompanha igualmente bem pratos de peixe e carne. Excelente com bacalhau e pisto (clássico receita espanhola - mix de tomates e vegetais)."

Sobre o produtor

Jean Leon é uma das melhores vinícola perto de Barcelona. Foi fundada em 1969 por Jean Leon – um espanhol que fundou um dos restaurantes mais famoso de Hollywood, o legendário La Scala. Jean Leon começou mais tarde a produzir o seu próprio vinho para o restaurante numa vinha em Espanha. Esta adega continua a produzir algum do melhor vinho de Penedès, não muito longe de Barcelona. O nome verdadeiro de Jean Leon era Carrión Ceferino Madrazo. Ceferino nasceu em Santander, no norte de Espanha em 1928, mas quando a casa da família foi destruída num incendio em 1941 o jovem Ceferino mudou-se com a sua família para Barcelona. O irmão mais velho de Ceferino e o pai morreram durante a Segunda Guerra Mundial e Ceferino mudou-se para Paris. De Paris ele foi para os E.U.A. e juntou-se ao exercito, obtendo assim a cidadania dos E.U.A. e mudou o seu nome para Jean Leon. Em 1950 Jean Leon chegou a Hollywood. Em Hollywood, Jean Leon teve um emprego no restaurante de Frank Sinatra e Joe DiMaggio e em 1956 abriu o seu próprio restaurante: La Scala, juntamente com James Dean. O restaurante ficou famoso em Hollywood e então Jean Leon conheceu várias estrelas de cinema. Ele chegou mesmo a servir o ultimo jantar a Marilyn Monroe na casa dela, na noite da sua morte Em 1964 ele comprou 150 hectares em Penedès (Torrelavit), a oeste de Barcelona. O seu amigo Jaume Rovira trabalhou lá como produtor de vinhos e a sua primeira garrafa foi vendida em 1973. Contudo, , a maior parte dos vinhos continuaram a ser vendidos aos clientes de La Scala. Jean Leon surpreendeu os produtores na região quando destruiu as antigas vinhas e plantando novas vinhas provenientes de França. Jean Leon foi a primeira pessoa a plantar Cabernet Sauvignon e Chardonnay em Espanha. Jean Leon revolucionou então o vinho espanhol. A maneira como trabalhou, foi a maneira tradicional do chateaux francês: todas as uvas eram produzidas pela adega (um conceito a que chamam "vino de pago" em Espanha) e os vinhos eram fermentados em barris de carvalho francês, mesmo os vinhos brancos.

Opinião de quem já comprou

  1. Seja o primeiro a avaliar este produto

Deixe sua opinião

Qual sua nota para este produto? *